Como a Google utiliza as informações de localização

Por que motivo é que a Google utiliza informações de localização?

A Política de Privacidade da Google descreve de que forma processamos as informações quando utiliza produtos e serviços Google, incluindo as informações de localização. Esta página faculta mais detalhes acerca das informações de localização que recolhemos e de que forma as pode controlar.

Proporcionar experiências úteis e pertinentes é um dos principais objetivos da Google e as informações de localização desempenham uma função importante nesta tarefa. Seja ao indicar-lhe o trajeto de carro, ao garantir que os resultados da pesquisa incluem locais perto de si ou ao mostrar-lhe quais são as horas mais movimentadas de um restaurante, a localização pode tornar as suas experiências nos produtos e serviços Google mais relevantes e úteis. As informações de localização também ajudam em determinadas funcionalidades de produtos essenciais, como disponibilizar um Website no idioma correto ou ajudar a manter os serviços Google seguros.

Como é que a Google sabe a minha localização?

Consoante os produtos que estiver a utilizar e as definições que escolher, pode fornecer à Google diferentes tipos de informações de localização que são essenciais para o funcionamento de alguns serviços e para que outros tenham mais utilidade para si. A localização pode ser proveniente de sinais em tempo real, como o seu endereço IP ou a localização do dispositivo, assim como da sua atividade anterior em sites e serviços Google para adaptar as experiências ao seu contexto. Seguem-se as principais formas através das quais podemos obter informações acerca da sua localização.

A partir do endereço IP do seu dispositivo

Os endereços IP fazem parte do tecido da Internet e são atribuídos a um dispositivo sempre que este estabelece uma ligação online. Quando um Website tem de enviar algo para o seu computador (por exemplo, os resultados da pesquisa do Google), necessita do seu endereço IP de modo a enviar a informação para o computador correto. Os endereços IP são baseados de forma aproximada na geografia, pelo que podem ser utilizados para determinar a localização geral de um dispositivo. À semelhança de muitos outros serviços de Internet, a Google pode utilizar estas informações acerca da sua localização para disponibilizar alguns serviços básicos (mesmo que a localização exata do seu dispositivo não esteja a ser recolhida). Por exemplo, estas informações podem ajudar-nos a saber a partir de qual país está a utilizar os nossos serviços e, caso exista um início de sessão com origem num local inesperado, permitem-nos detetar atividade da conta invulgar.

A partir da sua atividade

À medida que utiliza os nossos serviços, podemos inferir que tem interesse num local, mesmo que o seu dispositivo não nos esteja a dizer exatamente onde se encontra. Por exemplo, se pesquisar "cafés em Paris", podemos partir do princípio de que gostaria de ver locais próximos de Paris e mostramos-lhe resultados de cafés nessas zonas. Consoante as suas definições, este tipo de informações pode ser armazenado na sua conta e utilizado como um sinal para decidir se ainda pode estar em Paris quando efetuar mais pesquisas posteriormente.

A partir dos seus locais guardados

Também pode optar por nos dizer quais são os locais importantes para si, como a sua casa ou o trabalho. Esta ação pode ajudar a realizar tarefas como obter direções mais rápido ao utilizar automaticamente o seu endereço de casa e do trabalho. Estas informações também podem ser utilizadas para influenciar os resultados que lhe proporcionamos. Saiba mais

A partir dos seus dispositivos

Pode autorizar a Google e outras aplicações a facultar-lhe funcionalidades úteis baseadas na localização do seu dispositivo. Por exemplo, se estiver atrasado para um encontro com amigos, provavelmente será útil utilizar uma aplicação de navegação para saber a forma mais rápida de chegar ao destino. Para obter direções curva a curva, poderá ter de ativar a localização do dispositivo e autorizar a aplicação a aceder à mesma.

No seu dispositivo Android, se optar por ativar a localização do mesmo, pode utilizar funcionalidades como a navegação, conceder a uma aplicação o acesso à sua localização atual ou localizar o seu telemóvel. Pode igualmente escolher que aplicações têm autorização para utilizar a localização do dispositivo através de controlos simples que lhe permitem ativar ou desativar a autorização para aplicações individuais. Quando concede às aplicações (incluindo aplicações Google) a autorização para utilizar a localização do seu dispositivo, os dados ficam disponíveis para essas aplicações específicas. No Android, pode ver quando uma aplicação lhe está a pedir para utilizar a localização do telemóvel com base no GPS quando a parte superior do ecrã mostra Localização. Saiba mais

Serviços de localização da Google

Na maioria dos dispositivos Android, a Google, na qualidade de fornecedor de localização de rede, disponibiliza um serviço de localização denominado Serviços de localização da Google (GLS), conhecido no Android 9 como Precisão da localização da Google. Este serviço visa proporcionar uma localização mais precisa do dispositivo e, no geral, melhorar a precisão da localização. A maior parte dos telemóveis está equipada com GPS, que utiliza sinais de satélites para determinar a localização de um dispositivo. No entanto, com os Serviços de localização da Google, é possível recolher informações adicionais de redes Wi-Fi, redes móveis e sensores de dispositivos próximos para determinar a localização do seu dispositivo. Para tal, são recolhidos periodicamente dados de localização do dispositivo, que são utilizados de forma anónima para melhorar a precisão da localização.

Pode desativar os Serviços de localização da Google em qualquer altura nas definições de localização do seu dispositivo. A localização do dispositivo continua a funcionar mesmo que os GLS estejam desativados, mas o dispositivo passa a depender apenas do GPS para estimar a respetiva localização nas aplicações com a autorização necessária. Os Serviços de localização da Google são diferentes da definição de localização do dispositivo. Saiba mais

As definições e as autorizações no Android controlam se os sensores (como o GPS) ou a localização baseada na rede (como os GLS) do dispositivo são utilizados para determinar a sua localização e quais são as aplicações que têm acesso à mesma. Não têm influência na utilização do endereço IP, da sua atividade ou locais guardados, nem de outros sinais de contexto que as aplicações podem utilizar para compreender a sua localização.

Como é que a localização é guardada na minha Conta Google?

Consoante os produtos e serviços Google que utiliza e as suas definições, a Google poderá estar a guardar informações de localização na sua Conta Google. O Histórico de localizações e a Atividade da Web e de aplicações são dois dos locais mais comuns onde é possível guardar estas informações.

Histórico de localizações da Google

Se ativar o Histórico de localizações e o seu dispositivo estiver a comunicar a localização, a localização exata dos seus dispositivos com sessão iniciada será recolhida e armazenada, mesmo quando não estiver a utilizar ativamente um produto ou serviço Google. Esta opção ajuda a criar a sua Linha cronológica, onde são armazenados os dados do Histórico de localizações, e pode ser utilizada para proporcionar recomendações futuras no Google. Pode rever, editar e eliminar em qualquer altura o que é guardado na sua Linha cronológica.

Ativar o Histórico de localizações proporciona experiências mais personalizadas nos produtos e serviços Google: restaurantes sugeridos no Google Maps com base em locais que já visitou, informações em tempo real acerca da melhor hora para sair para ir para casa ou para o trabalho de forma a evitar o trânsito, bem como álbuns no Google Fotos criados automaticamente a partir dos locais que visitou.

Para determinar se ativou o Histórico de localizações, visite os Controlos da atividade. É possível que lhe seja pedido para iniciar sessão e, a partir daí, pode ver se este controlo está ativado. Embora possa colocar em pausa a recolha de novos dados do Histórico de localizações, os dados anteriores do mesmo vão manter-se armazenados enquanto não os eliminar. Saiba mais

Se eliminar os dados do Histórico de localizações, pode continuar a ter outros dados de localização guardados noutro local, como a Atividade da Web e de aplicações.

Atividade da Web e de aplicações

Se a Atividade da Web e de aplicações estiver ativada, as suas pesquisas e a sua atividade de vários outros serviços Google são guardadas na sua Conta Google. A atividade guardada na Atividade da Web e de aplicações também pode incluir informações de localização. Por exemplo, se escrever "meteorologia" na Pesquisa e obtiver resultados da meteorologia com base no local onde se encontra, esta atividade, incluindo a localização utilizada para proporcionar o resultado, é guardada na sua Atividade da Web e de aplicações. A localização utilizada e armazenada com a Atividade da Web e de aplicações pode ser proveniente de sinais como o endereço IP do dispositivo, da sua atividade anterior ou do seu dispositivo, caso tenha optado por ativar as definições de localização do mesmo.

Ativar a definição Atividade da Web e de aplicações ajuda-nos a mostrar-lhe resultados da pesquisa mais úteis, anúncios mais relevantes e sugestões mais personalizadas como, por exemplo, quando vê uma pesquisa sugerida automaticamente com base em pesquisas anteriores. Pode rever e eliminar os dados da Atividade da Web e de aplicações ou colocá-la em pausa na sua Conta Google. Colocar a Atividade da Web e de aplicações em pausa faz com que deixe de guardar as pesquisas e atividades futuras de outros serviços Google. Mesmo que elimine os dados da Atividade da Web e de aplicações, pode continuar a ter dados de localização guardados noutro local, como o Histórico de localizações.

Para determinar se ativou a Atividade da Web e de aplicações, visite os Controlos da atividade. É possível que lhe seja pedido para iniciar sessão e, a partir daí, pode ver se este controlo está ativado. Saiba mais

Como é que a localização é utilizada para mostrar anúncios?

Os anúncios podem ser publicados com base na sua localização geral. Esta pode incluir a localização derivada do endereço IP do dispositivo. Consoante as suas definições de personalização de anúncios, também pode ver anúncios baseados na atividade na sua Conta Google. Tal inclui a atividade armazenada na Atividade da Web e de aplicações, que pode ser utilizada para apresentar anúncios mais úteis. Outro exemplo é que, se tiver ativado o Histórico de localizações e frequentar regularmente estâncias de esqui, é possível que, mais tarde, veja um anúncio de equipamento de esqui quando estiver a ver um vídeo no YouTube. A Google também utiliza o Histórico de localizações de uma forma anónima e agregada, para os utilizadores que o tenham ativado, de modo a ajudar os anunciantes a avaliarem até que ponto uma campanha publicitária online ajuda a direcionar tráfego para propriedades ou lojas físicas. Não partilhamos o Histórico de localizações nem outras informações de identificação com os anunciantes.

Tem controlo sobre os dados armazenados na sua Conta Google e pode desativar os anúncios personalizados em qualquer altura. Quando a personalização de anúncios está desativada, a Google não utiliza os dados armazenados na sua Conta Google para lhe apresentar anúncios mais relevantes.